Escorpião – Como Prevenir este “visitante” indesejado.

Anúncio
Loading...
()

Todo cuidado é necessário para evitar a proliferação e acidentes com esta praga.

Pequenos, mas perigosos, ficam escondidos durante o dia e se alimentam de insetos !

O escorpião possui um corpo alongado e quatro pares de patas, um par de pinças no extremo anterior e apresentam um ferrão com glândulas venenosas na ponta da “cauda”, que é articulada.
Quando se sentem perturbados ou ameaçados, utilizam seu ferrão e picam com facilidade, causando muita dor, e podendo provocar até a morte em crianças e pessoas debilitadas.

Existem mais de 2 mil espécies de escorpiões espalhadas pelo mundo. No Brasil a espécie mais comum é o “escorpião-amarelo” (Tityus serrulatus), que é considerado o escorpião mais perigoso da América do Sul.

Anúncio
Loading...

Abrigo e Alimento.

Os escorpiões proliferam sob pedras, frestas de pedras e barrancos, debaixo de cascas de árvores, em paredes e muros mal rebocados, madeira empilhada, entulhos, caixas de gordura, ralos, forros, etc. Gostam muito de umidade, pouca luz e são predadores de insetos e outros invertebrados, como: cupins, moscas, grilos, lagartos, aranhas e principalmente baratas.

Procuram seu alimento durante a noite, entrando e se alojando em residenciais, usam seu ferrão para imobilizar e matar a presa. Durante o dia permanecem no abrigo.
A incidência de escorpiões são mais frequentes durante a primavera e verão, pois neste período há um aumento natural da população de escorpiões, devido ao período de reprodução dos mesmos.

Picada de Escorpião

A picada de escorpião causa muitos transtornos ao organismo humano , entre eles estão:: dor imediata, sudorese, febre, sensação de frio, contrações musculares, irregularidades cardiorrespiratórias, e pode levar à morte. Qualquer acidente com escorpião deve ser encaminhado e avaliado por um médico, o mais breve possível.

Predadores Naturais

Para nossa sorte, nem tudo é perfeito para os escorpiões, eles também possuem inimigos naturais, seus predadores. Entre eles estão répteis, como sapos, lagartixas, lagartos, algumas espécies de aranhas, gambás e algumas aves, entre elas a galinha d`Angola tem se destacado. Com o aparecimento frequente de escorpiões em áreas urbanas, tem aumentado consideravelmente a procura por esta ave. Por se adaptar bem em pequenos ambientes e ser considerada um animal doméstico, a Galinhas d`Angola tem sido procurada para ajudar no combate de escorpiões em residências e condomínios.

Produtos e Ferramentas para Ajudar no Controle de Escorpião.

Por ser um aracnídeo, os escorpiões andam com o corpo elevado do chão, diferente dos insetos rasteiros, devido a esta peculiaridade, muitos inseticidas (que agem através do contato da praga com o resíduo do produto) não atingem o escorpião. Além dos predadores Naturais, atualmente podemos contar com ferramentas como Placas de Cola para capturar e lanterna de Luz ultravioleta para identificar a presença deles, pois quando expostos a este tipo de luz, os escorpiões ficam com a coloração azul.

Medidas Preventivas para evitar a presença de escorpião.

Como já dizia o velho ditado: Prevenir é melhor do que remediar !

Pequenas ações , que estão ao nosso alcance, são essenciais para evitar a presença e a proliferação de escorpiões em nosso ambiente:

– Mantenha os jardins e quintais limpos, evitando o acúmulo de entulhos, folhas secas, lixo doméstico, material de construção nas proximidades da residência;
– Procure vedar frestas e buracos em paredes, ralos, assoalhos e vãos entre o forro e paredes para impedir o trânsito de escorpiões pelo local;
– Evite folhagens densas (como plantas ornamentais, trepadeiras, arbusto, bananeiras entre outras outras) junto a paredes e muros das casas;
– Mantenha a grama aparada;
– Se houver terrono baldio ao redor da sua casa, solicite ao responsável que seja realizado uma limpeza periódica, pelo menos, numa faixa de um a dois metros junto ao muro.
– Evite secar roupas no chão ou em cercas e muros.
– Procure sacudir roupas e sapatos antes de usá-los, pois os escorpiões podem se esconder neles e picar ao serem comprimidos contra o corpo;
– Mantenha cama, sofás, berços afastados da parede;
– Lençóis, cobertores, cortinas sem contato diretamente com o chão;
– Utilize luvas grossas para realizar limpeza em jardins, manusear entulhos e materiais de construção.
– Realize um controle de pragas periódico em sua residência, para controlar a proliferação de insetos , evitando o aparecimento de escorpiões que deles se alimentam.

Veja também como prevenir e controlar Ratos e Camundongos.

 

Avalie esse artigo

Clique nas estrelas para avaliar

Classificação Média / 5. Quantidade de Votos

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar esta postagem.

Loading...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *